Livro: O Teorema de Katherine

imagem

Sabe o que eu mais gosto nos livros do John Green? Seus personagens sempre são nerds e no livro O Teorema de Katherine ele consegue fazer um personagem com essa característica ter DEZENOVE namoradas. É muito amor <3

Nosso querido João Verde dispensa qualquer apresentação e já sabemos do seu estilo de escrita, então vamos direto à história do livro: nosso personagem da vez é Colin Singleton, um ex-prodígio (na visão dele), viciado em anagramas e com uma característica bem marcante: ele só namora Katherines. E leva um pé na bunda de todas elas, o ultimo, porém, o mais traumático, além de ter sido bem no dia da sua formatura do Ensino Médio.

Após mais um pé ele decide cair na estrada na companhia do Rabecão de Satã (também quero um nome desse pro meu futuro carro haha) e do seu melhor amigo, Hassan. Andando sem rumo eles acabaram por parar em Gutshot, uma cidadezinha do Tennessee onde eles conhecem Lindsey Lee Wells que “possuía o tipo de sorriso largo e matreiro que não lhe deixa opção senão acreditar – só dava vontade de fazê-la feliz para poder continuar vendo aquele sorriso”. Lindsey era filha da dona de uma fábrica têxtil em Gutshot, atendente de um minimercado, também de sua mãe, guia turístico e paramédica em fase de treinamento.

Depois de cair a bater a cabeça, Colin tem seu momento “eureca” e descobre que ele pode representar matematicamente seu termino com a K-19, com esse gráfico ele almeja finalmente passar de um garoto prodígio para um gênio, conquistar prêmios e reconquistar sua última Katherine.

Colin e Hassan começam a trabalhar para mãe de Lindsey, Hollis, ouvindo e gravando as histórias dos moradores de Gutshot e, até se hospedam na casa delas, a “Mansão Cor de Rosa”. Nesse meio tempo, Colin tem que desenvolver seu Teorema e ele descobre que é mais difícil do que parecia, imagina só desenvolver um gráfico de relação terminante x terminado de DEZENOVE namoradas.

Apensar de ser bem inteligente e craque com a linguística, Colin não consegue contar histórias e leva quase todas as expressões ao pé da letra, como quando Hassen disse que seu pai era “rico feito um porco”, como porcos podem ser ricos? Depois de sua sabatina com Hassen ouvindo a população de Gutshot, ele finalmente consegue contar sua primeira história.

 “Eu serei esquecido, mas as histórias ficarão. Então, nós todos somos importantes – talvez menos do que muitos, mas sempre mais do que nada.”

O Teorema de Khaterine é um livro leve de se ler, apesar de toda matemática presente no decorrer da história. Os temas: nossa reação ao terminarmos um relacionamento, nossa necessidade de termos um momento eureca e de sermos eternamente lembrados por grandes feitos são tratados de maneira bem cômica e realista, no famoso estilo John Green de ser.

Além disso, o livro tem o elemento que mais gosto em romances: o desenvolver de uma amizade, adoro essas relações que nascem do nada haha, não é atoa que Colin, Lindsey e Hassen viraram meu tri0 favorito <3

No final do livro o autor adicionou um apêndice com o Teorema, sério gente o teorema existe de verdade e foi desenvolvido por um matemático amigo de Green, vale a pena conferir. E o livro é recheado de notas de rodapé, recomendo a leitura de todos, além de explicar coisar da história, trás algumas curiosidades, tipo quantos copos de água a gente deve tomar por dia, além do bom humor em cada uma delas.

O Teorema de Khaterine é uma publicação da Editora Intrínseca e tem 302 páginas.

Anúncios

3 comentários sobre “Livro: O Teorema de Katherine

  1. Meninas, não sei o que acontece comigo então!! Li sua resenha e realmente parece que livro é interessante, mas eu já iniciei a leitura 2 vezes e não consigo terminar, fico sempre nos primeiros capítulos! Quem sabe deve ser apenas o começo ne? Vou tentar começar novamente… hihihihi

    beijossss

    Curtir

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s