Filmes para aquecer o coração

Sabe aquele filme que você vê e seu coração fica quentinho e você sente vontade de abraçar todo mundo e viver no universo do filme? Então, vi vários assim esses dias. Então, aqui fica meu abraço ~quentinho~ em forma de post.

grande hotel

O Grande Hotel Budapeste: filme de 2014, escrito e dirigido por Wes Anderson ~um cara legal~ tem uma cronologia bem interessante: é uma lembrança de uma lembrança. O filme se passa no Hotel Budapeste, parte durante seu auge, que ocorreu durante duas guerras mundiais e parte durante sua decadência. Tudo começou quando o gerente do hotel Monsieur Gustave (Ralph Fiennes), muito querido entre as hospedes, conhece o jovem Zero Moustafa (Tony Revolori). Zero se torna, além de funcionário, grande amigo de Gustave. Os dois acabam se envolvendo em uma aventura após Gustave receber uma herança depois do falecimento de uma senhora hospede do hotel.
O filme é um deleite para os olhos: tudo muito bem feito, desde o cenário até o figurino, passando pelo sincronismo entre os atores e a bela atuação dos mesmos, além da própria história ser cativante. Não diria nada menos que impecável sobre esse filme.

100 passos

A 100 passos de um sonho: um filme com tema culinário, não muito aclamado pela critica, porém muito bonito aos olhos, se passa no sul da França e conta a história de Hassan e sua família. Eles fogem da sua cidade na Índia após seu restaurante ser queimado por conflitos políticos. O patriarca da família decide se instalar numa cidadezinha ao sul da França e abrir um novo restaurante de comida indiana por lá mesmo, bem em frente (exatamente a 100 passos) ao restaurante de Madame Mellody, que possui uma estrela no Guia Michelin. Nesse momento que surgem os conflitos, pois os dois donos são de culturas totalmente diferentes e nenhum dos dois cede aos costumes do outro. Mas o foco do filme, além das receitas de encher os olhos, é Hassan, um cozinheiro que nasceu com um dom para cozinha e que vai buscar seu lugar ao sol entre os chefs franceses.
Esse é um daqueles filmes que você assiste sorrindo.

mesmo se nada der certo

Mesmo se nada der certo: um filme de 2014 estrelado por Keira Knightley, Mark Rufallo e Adam Lavine. Conta a história da jovem compositora Gretta (Keira) que se mudou para Nova York junto com seu namorado Dave (Adam) por conta da gravação do primeiro álbum dele. Pouco tempo depois Dave troca sua namorada por outra garota e Gretta se vê perdida depois disso. Só não seria pior graças ai seu amigo Steve que a acolhe e a leva a um barzinho, lá ela acaba tocando uma música de composição sua e despertando o interesse de Dan (Mark), um produtor musical perdedor e alcoólatra, que vê em Gretta um grande talento e uma chance de transforma-la em estrela. Como Dan não tem recursos para gravar uma demo em um estúdio, eles decidem gravar um álbum todo por vários pontos da cidade. Todas as músicas são cantadas pela própria Keira e as letras se encaixam perfeitamente no momento que a personagem está vivendo. O filme foge do clichê de tudo acabar bem e eles ficarem ricos e famosos e serem reconhecidos. A intenção principal é eles encontrar felicidade na vida que cada um tem.
A trilha sonora desse filme é incrível, os cenários são lindos, os looks da Keira são maravilhosos. Em uma parte do filme, Gretta diz que não compartilharia as músicas que tem no seu celular por que são pessoais e condiz com momentos da vida dela. E não é assim na vida real também? Eu, pelo menos, não compartilharia minhas playlists com ninguém haha.

badge_post_01

Anúncios

5 comentários sobre “Filmes para aquecer o coração

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s